Sombra e Ossos – Leigh Bardugo

E vamos lá para mais uma trilogia de fantasia. O que me fisgou para ler este livro foi a arte da capa, diagramação do livro, arte do mapa e também a inspiração na cultura russa. Seguiremos Alina Starkov, uma orfã que vive num país assolado por uma maldição que o dividiu em dois: a dobra das sombras. Ravka é um país ameaçado por guerras contra seus vizinhos, mas que conta com estilosos magos treinados na Pequena Ciência e que são chamados de Grishas. O conceito em torno dos magos é interessante, cada ordem com suas capacidades e roupas próprias.

Já no início da trama Alina e seu amigo de infância Maly, penetram a terrível região, também conhecida como Não Mar,  amaldiçoada por trevas duradouras e habitada por monstros chamados Volcras. Devo confessar que gostei bastante do primeiro terço do livro, mas fiquei muito decepcionado com o desenvolvimento da trama e até a conclusão do primeiro volume. Um dos fatores negativos é a narração em primeira pessoa, que muitas vezes atrapalha uma boa estória dependendo da forma que é usada. Para mim, neste caso, ao invés de aproximar da protagonista, me afastou.

É um livro razoável, se você é ligado em fantasia, mas faltou algo para mim… A escrita da autora flui bem, até que cai ponto em que tudo fica meio colegial, uma coisa como concurso de moda e popularidade, uso de maquiagem e competição para agarrar o cara mais bonito do pedaço e mostrar quem tem o poder mais legal.

A ambientação da estória, um reino inspirado na Rússia do final do século 19, é bem construída e dá uma atmosfera bacana para a trama. Mas na parte de personagens e trama, a coisa fica mais fraca. Não encontrei nenhum personagem com que me identifiquei, e não é uma questão de gênero, estou lendo, no momento, A Dama do Falcão de Maryon Zimmer Bradley e me identificando bastante com a protagonista, Romilly. As motivações dos personagens são fracas e a trama não segue um bom ritmo, ficando bem lenta depois da parte inicial. Há poucos conflitos que levam o leitor a virar as páginas com avidez para descobrir o que vai acontecer. Também há praticamente uma ausência de reviravoltas.

Mas para leitores menos chatos que eu, o livro pode dar um bom entretenimento. Eu criei uma expectativa grande e comprei os três livros de uma só vez, mas confesso que está um pouco difícil me animar para ler as sequências.

2.5 / 5 stars     

2 comentários em “Sombra e Ossos – Leigh Bardugo

  1. Oi Carlos! Li esse livro e tive uma experiência parecida. Porém, ouvi falar muito bem da duologia que a autora escreveu depois e tô super curiosa. Na verdade foi isso o que me levou a ler a trilogia inicialmente (a duologia é ambientada no mesmo mundo).
    Um abraço!

  2. Eu tenho fé em que os escritores conseguem melhorar, não fosse assim, já teria parado de escrever há muito tempo, kkk. Havendo oportunidade, vou ler essa Duologia e dar uma segunda chance. Obrigado pelo seu comentário! Outro abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *